Home Geral 7 mil litros de combustível são encontrados em depósito clandestino no Jangurussu

7 mil litros de combustível são encontrados em depósito clandestino no Jangurussu

2 Primeira leitura
0
0
71
Pelo menos 7 mil litros de combustível foram encontrados pela Polícia Civil na tarde dessa quarta-feira, 9, no bairro Jangurussu. O local funcionava como um depósito clandestino onde membros de facções buscavam o material para realizar incêndios a equipamentos públicos e privados em Fortaleza. As substâncias inflamáveis estavam divididas em galões de mil litros ou de 500 ml.
De acordo com a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), a equipe policial chegou ao local por meio de denúncia anônima recebida pelo WhatsApp do órgão. A Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) está responsável pelas investigações e busca os responsáveis pelo terreno e pelos materiais.
Dias antes do Natal, conforme O POVO apurou, uma carga com pelo menos 5,7 toneladas de explosivos foi roubada, nas proximidades da BR-116, em Aquiraz. O caso foi relembrado pela equipe investigativa após um dos primeiros ataques da onda de violência que começou na quarta-feira, 2. Na ocasião, suspeitos danificaram uma viga do viaduto do bairro Metrópoles, em Caucaia. A suspeita é de que o carregamento estaria sendo utilizado nestes ataques.
Por meio de nota, a secretaria pede que a população colabore com denúncias anônimas que possam ajudar o trabalho da Polícia. As denúncias podem ser repassadas para o número 181, o Disque Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) ou para o WhatsApp da Draco, pelo número (85) 98969-0182.
Redação O POVO Online
Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Geral

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

Barragens do Vale do Capim Pubo em Icó começam a sangrar

Com as recentes chuvas que banharam o município de Icó, inclusive com a da noite de sexta …