Home Geral Após afastamento de prefeito de Tauá, Câmara empossa vice-prefeito nesta quinta-feira

Após afastamento de prefeito de Tauá, Câmara empossa vice-prefeito nesta quinta-feira

4 Primeira leitura
0
0
33

O vice-prefeito de Tauá, na região dos Inhamuns, Fred Rêgo, será empossado na noite desta quinta-feira 13, no cargo de prefeito, em sessão especial a ser realizada na Câmara Municipal a partir das 19 horas.

Vice-prefeito, Fred Rêgo

A posse de Fred Rêgo decorre do afastamento do prefeito, Carlos Windson Cavalcante Mota, ocorrida na tarde desta quarta-feira, 12, durante sessão especial da Câmara Municipal, por infração político-administrativa.

O relatório aprovado pela Comissão Processante, que iniciou a investigação da denúncia recebida pelo Poder Legislativo por 10×4, no último dia 11 de junho, considerou procedentes quatro denúncias: descumprimento do orçamento do município referente ao teto de gastos com pessoal, que ultrapassou os 67%; dispensa de licitação para contratação de transporte escolar; não prestação do serviço de transporte de alunos; e negligência na defesa dos bens do município.

Afastamento 

O prefeito Carlos Windson e sua defesa protocolaram três mandados de segurança e uma Ação Popular, pleiteando a anulação dos atos da Comissão Processante e a suspensão da sessão de votação do relatório, mas todos os pedidos foram indeferidos pela Justiça de Tauá.

O gestor também ingressou com uma reclamação no Supremo Tribunal Federal, em Brasília, no último dia 5 de setembro. O processo aguarda despacho do ministro Gilmar Mendes.

O prefeito Carlos Windson e o seu procurador não compareceram à sessão.

Votação 

 

O presidente do Legislativo, Luís Tomaz, colocou o relatório em votação nominal e o prefeito Carlos Windson foi afastado por 11 votos a 4, na votação das denúncias – constantes do relatório final da Comissão Processante.

Nas denúncias em que houve absolvição do prefeito com base no relatório, a aprovação ocorreu por unanimidade, 15×0.

Votaram a favor do afastamento os vereadores, Marco Aurélio, Antônio Coutinho, Valdemar Jr., Chico Neto, Felipe Viana, Fátima Veloso, Williana Bezerra, Vony Sousa, Ronaldinho Feitosa, Argentino Filho e Luís Tomáz.

Já os parlamentares Dr. Edyr Mota, Alaor Mota, Wellington Jr. e Fátima Guedes posicionaram-se contrários.

 

Diário Centro Sul

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Geral

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

MPCE e polícia realizam operação dentro da Câmara Municipal de Quixadá, no Ceará

O Ministério Público do Ceará, com apoio da Polícia Civil, cumpriu mandados de busca e apr…