Home Geral ELEIÇÕES 2018: Mais de 10 mil policiais farão segurança no 1º turno das eleições no Ceará

ELEIÇÕES 2018: Mais de 10 mil policiais farão segurança no 1º turno das eleições no Ceará

3 Primeira leitura
0
0
75

Mais de 10 mil policiais militares vão trabalhar na segurança no 1º turno das eleições no Ceará, dos quais 7.287 em trabalho de reforço. De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral no Ceará (TRE-CE) haverá, pelo menos, um oficial da PM em cada um dos municípios cearenses.

O efetivo que trabalhará no interior deve se deslocar para as cidades no dia 3 de outubro. Só em Fortaleza, haverá o reforço de 1.500 policiais. A Operação Eleições será das 18h da sexta-feira, 5 de outubro, até 7h de segunda-feira (8).

O documento com o plano de segurança foi entregue ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-CE) nesta quinta-feira (13), pelo tenente-coronel Jano Emanuel Marinho, chefe da Operação Eleições 2018, da Secretaria de Segurança Pública.

“O planejamento contempla todos os municípios do Ceará. O documento entregue nesta data será disponibilizado também em aplicativo para celular, a partir do dia 17 de setembro, na Play Store, e no site do TRE para magistrados, membros do MP e servidores acessarem as escalas, telefones do efetivo, composição dos cartórios eleitorais”, concluiu o tenente-coronel, Jano Emanuel Marinho.

Planejamento integrado

Em 31 de agosto, os órgãos de segurança do Estado apresentaram o Planejamento Integrado para as Eleições 2018 aos dirigentes do TRE e a membros do Pleno. Na ocasião, o secretário de Segurança Pública e Defesa Social, André Costa, expôs o contingente a ser disponibilizado para as Eleições 2018.

Ao todo, o efetivo será de 10.804 policiais e bombeiros em todo estado. Ressaltou que 40 cidades já dispõem de videomonitoramento com 1.381 câmeras e seis aeronaves. Um a um, os representantes dos órgãos de segurança discorreram sobre efetivo e estratégias de atuação, não só no dia do pleito, como também, na semana que antecede a votação.

G1/CE

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Geral

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

MPCE e polícia realizam operação dentro da Câmara Municipal de Quixadá, no Ceará

O Ministério Público do Ceará, com apoio da Polícia Civil, cumpriu mandados de busca e apr…