Home Esportes Mexer nas peças certas

Mexer nas peças certas

4 Primeira leitura
0
0
29

Três partidas consecutivas sem vencer e a desconfiança que bateu do meio para o fim do primeiro turno da Série B do Brasileiro voltou à cabeça dos torcedores do Fortaleza. A liderança do Leão, que já perdura por 22 rodadas, está novamente ameaçada e a margem para o 5º colocado caiu pela metade – de dez para cinco pontos.

Diante disso, o jogo de sexta-feira, contra o Sampaio Corrêa, no Maranhão, ganhou importância dobrada. O Tricolor precisa reencontrar a vitória para evitar que uma crise se instale de vez no Pici na reta final da Segundona. Há ainda a questão de alcançar o quanto antes uma pontuação que garanta acesso, para evitar dar chances aos concorrentes diretos. Estima-se que com mais cinco triunfos o Leão garante vaga na Série A 2019. O Fortaleza tem mais 12 jogos para conquistar as vitórias.

 

“A gente reconhece que perdeu um pouco de performance nas últimas rodadas e isso foi cobrado, mas eu confio plenamente nesse grupo de jogadores e no trabalho que está sendo feito. Nós reafirmamos a confiança que vamos conseguir nossos objetivos”, disse o presidente do Fortaleza, Marcelo Paz, que revelou ter feito uma reunião com jogadores e comissão técnica ontem.

 

Para encarar a Bolívia Querida, Rogério Ceni não utilizará os criticados Igor Henrique e Pablo, já que eles foram expulsos no jogo contra o Criciúma, na rodada passada. O mais provável é que ele volta a atuar apenas com dois volantes e Derley comece jogando ao lado de Felipe. Principalmente porque as outras opções ainda não estão prontas. Nenê Bonilha e Anderson Uchôa ainda treinaram à parte ontem e Jean Patrick segue no departamento médico.

 

Os desfalques do Leão, no entanto, não param por aí. O zagueiro Diego Jussani tomou o terceiro amarelo e não pode atuar diante do Sampaio Corrêa. Em compensação, Adalberto está de volta, recuperado de dores na coluna. Ele e o atacante Wilson treinaram normalmente.

 

Isso significa que o Fortaleza não terá nenhum problema para montar o ataque. Todos os homens de frente estão à disposição do treinador – inclusive Rodolfo, que chegou semana passada e já está regularizado. Os outros dois recém-contratados, o goleiro Gabriel Félix e o lateral-direito Diego Tavares, também tiveram os nomes publicados no BID e, caso queira, Rogério Ceni pode utilizá-los.

 

VEJA MAIS: FORTALEZA E A QUEDA DE DESEMPENHO DO SISTEMA DEFENSIVO | NA PRANCHETA #31

REDAÇÃO O POVO

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Esportes

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

Seis cidades do Sertão Central estão entre as 55 do Ceará que vão realizar cadastramento biométrico

O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-Ce) reabriu o atendimento para o cadastramento…