Home Destaque Adutora que abastece o distrito de Cascudo em Icó será desligada

Adutora que abastece o distrito de Cascudo em Icó será desligada

7 Primeira leitura
0
0
724

Em audiência realizada na tarde de ontem (20), na sede do Ministério Público de Icó, solicitada pela COGERH (Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos) e CSBHsalgado (Comitê da Sub Bacia Hidrográfica do Salgado), foi tratado entre outros assuntos, o fechamento da adutora que abastece o distrito de Cascudo em Icó.

Na audiência, e em comum acordo entre os presentes; Rômulo Martins de Medeiros, Procurador Geral do Município,  Deusemar de Araújo Ramos, Diretor do SAAE de Icó, Alberto Medeiros de Brito, Gerente Regional da COGERH, Antônio Ericsson Onofre e Silva, representante do Núcleo Técnico da COGERH e representantes do Comitê da Bacia Hidrográfica do Salgado, foi decidido pelo fechamento da adutora que abastece Cascudo e região.

De acordo com o diretor do SAAE de Icó, Deusemar de Araújo, a doutora em questão não é passível de recuperação e nem possível viabilidade de permanecer em funcionamento.

O gerente da COGEH, Alberto Medeiros, afirmou que será feito perfurações de poços profundos pelo governo do estado em 10 comunidades aproximadamente, incluindo o distrito do Cascudo sendo previsto 3 poços.

Ponto crítico de vazamento – Imagem (Cogerh)

A adutora será desligada em sua totalidade no dia 3 de abril do corrente ano, após o deligamento e dentro desse prazo será perfurados poços profundos, afirmou Aberto Medeiros, enquanto isso o abastecimento da comunidade será feito provisoriamente por carros-pipas.

Ainda de acordo com o gerente regional da COGERH, a adutora é muito antiga e contem muitos vazamentos, atualmente a adutora retira do Açude de Lima Campos cerca de 135 metros cúbicos por hora e só entrega na comunidade do Cascudo 9 metros cúbicos, com isso se tem uma perda de mais de 90% da água bombeada. Com o fechamento da adutora, o açude terá um ganho de quase três meses, onde o açude deve chegar o seu volume operacional em outubro de 2019.  “Isso é um prazo bem melhor do que o que nós tínhamos anunciado que seria no mês de julho, onde o açude entrava em colapso “. Disse Alberto Medeiros.

Questionado pela reportagem do Portal Icó News sobre o fechamento definitivo da adutora, o gerente da COGHE afirmou que; ” No projeto que está sendo elaborado da doutora do Açude Orós para atender a cidade do Icó, existe um ramal para atender a comunidade do Cascudo, a princípio o atendimento vai ser feito através de Poços, todos que foram locados no cascudo serão próximos ao sistema de abastecimento, exatamente para que eles sejam interligados ao sistema, e se tudo der certo, e forem de boa vazão a população do Cascudo não sentira muito impacto do cancelamento dessa adutora, até porque hoje já está muito deficitária e não está atendendo mais as comunidades em sua totalidade, um exemplo disso é o sítio canto que já tem mais de 20 dias que está sem água.” Concluiu Alberto.

OUTROS PONTOS

Na mesma audiência que tratou do desligamento total da adutora do distrito de Cascudo, foi abordados outros pontos. Em relação ao tratamento de água do SAAE, ficou consignado que o diretor do SAAE e seria realizado a limpeza de todo o sistema de tratamento de água conforme relatório da Cagece em parceria com a Cagece.

A caixa d’água da comunidade das Trés Bodega, também foi um dos pontos, de acordo como o que foi acordado pelo MP, ficou esclarecido pelo diretor do SAAE que foi feito interferência da referida caixa d’água, assim o mesmo ficou de encaminhar um relatório de manutenção feita, no prazo de 10 dias.

 

Confira o termo da audiência:

 

 

 

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Destaque

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

Festival Junino será realizado em Icó neste dia 18

Nesta terça-feira (18), na quadra do Centro Social Urbano (CSU), será realiza mais uma edi…